Avançar para o conteúdo principal

Um mar de flores cobre esta terra, dando-lhe vida e cor. Perco-me cada vez mais à medida que vou andando, sem rumo, sem destino. Tudo o que um dia foi diferente, agora não passa de um horizonte monótono e sem fim. Ao fundo, vejo uma luz. Quente e acolhedora. Será o fim? Será o fim deste labirinto? Ou será apenas mais um obstáculo que terei de enfrentar? Não sei. Apenas vou continuar a andar e a ultrapassar todos os obstáculos até que tudo finalmente acabe, um dia. Não irei desistir até chegar até àquela luz que se encontra mesmo à minha frente. Tão perto, mas tão longe... Vou continuar a olhar para ela e, assim que chegar, sei que vou finalmente sentir que cumpri a minha missão.


A sea of flowers covers this earth, giving it life and color. I get lost more and more as I walk aimlessly, without destiny. Everything that once was different is now a boring and endless horizon. In the end, I see a light. Warm and welcoming. Is it the end? Is it the end of this labyrinth? Or is it just another obstacle I will have to face? I don't know. I'm just going to keep walking and overcoming all the obstacles until everything finally ends, one day. I will not give up until I reach that light that is right in front of me. So close, but so far away... I will continue to look at it, and as soon as I get there, I know that I will feel that I finally have finished my mission.

Comentários

  1. Ahhhhhhhhhhhhhhhhh se todo texto fosse escrito como você escreve! Eu me apaixonei do início ao fim. ♥♥
    afogandonachama.blogspot.com

    ResponderEliminar
  2. Mais um texto fantástico!

    Beijinhos, Hellen
    http://instantesimprovaveis.blogspot.pt/

    ResponderEliminar
  3. QUE LINDO!!!!
    Adorei o post e obviamente que segui o blog :)
    Quero convidar-te a visitar e a seguir o meu também <3

    pimentamaisdoce.blogspot.pt

    ResponderEliminar
    Respostas
    1. Muito obrigada!
      Desculpa só responder agora, mas não tenho vindo muito aqui! Prometo que daqui em diante virei mais vezes!
      Também adorei o teu blog e irei segui-lo!!

      Eliminar

Enviar um comentário

Segue-me no:
☑Instagram (ellamorgan17)
☑Twitter (Ella_Morgan2018)

Mensagens populares deste blogue

Pedido de ajuda a todos os leitores

Olá!
Como sabem, eu tenho estado um pouco ausente aqui no blog e, por isso, decidi perguntar-vos o que gostariam que eu publicasse mais, para além de textos pessoais, músicas... Porque não é só porque "falta-me a força", mas também porque me falta inspiração e acaba por ser difícil de publicar tantas vezes como eu, e claro vocês, gostariam que eu publicasse.
Por isso, peço-vos que comentem aqui nesta publicação, mandem mensagem por e-mail, Twitter (@Ella_Morgan2018) ou no Instagram (@ellamorgan17) e me digam que tipo de posts gostariam que eu publicasse além dos que eu já publico. Fica ao vosso critério e, à medida que me forem dando as vossas opiniões, vou escolhendo as categorias que farei.

Obrigada!
Ella *-*

Hi!
As you know, I've been a little absent here on the blog, so I decided to ask you what would you like me to publish here besides personal texts, songs ... Because it's not only because "I lack strength" but also because I lack inspiration and it is…
As minhas férias terminam hoje. Amanhã será a apresentação, neste que é o meu último ano no secundário e no dia a seguir, terei as primeiras aulas do ano. Hoje é por isso o último dia que tenho para aproveitar e fazer aquilo que eu mais gosto. Apesar de as minhas férias não terem sido como esperei, não posso deixar-me ir abaixo porque não completei o que queria completar ou porque não consegui terminar um desafio ou porque não fiz o que pretendia fazer.
A minha demora a escrever outro post não foi por preguiça ou por falta de tempo, mas sim por falta de imaginação e criatividade para escrever. Por essa razão, passei dias a reler todos os textos que publiquei, não para ter uma fonte de inspiração, mas para me relembrar das razões que me levaram a escrever tais textos. Assim pude rir, pude chorar e pude lembrar cada aventura que vivi durante este ano, que me permitiu crescer enquanto blogger e enquanto pessoa. Aproveitei também para começar um outro projeto, ainda por terminar, que me …
Sabem quando a vida não vos corre como planearam? Sabem quando vos custa levantarem-se da cama e percebem que vai ser apenas mais um dia nas vossas vidas em que nada irá correr como planeado? Ontem acordei assim, tal como hoje. Provavelmente é apenas os nervos da pressão do ano em que estou, uma vez que este é o ano em que decido a minha vida daqui para a frente... Talvez seja até o medo do que possa acontecer... Não sei. Como diz o filósofo Sócrates: "Só sei que nada sei...". Não vos quero dar uma aula de filosofia. Aliás porque sei o que custa ter essas aulas. Apenas quero dizer-vos que esta frase, por mais chata que seja, aplica-se exatamente a cada dia da minha vida. Nunca se sabe o dia de amanhã, por isso, desisti de planear o futuro. Para quê prever algo que nem os meteorologistas prevêem? Porque não focar-me no presente e naquilo que ele pode implicar no futuro?
Viver a vida depende de nós mesmos. Não nos podemos focar apenas no que virá daqui em diante. Temos também…